28/04/2016

Compras da Barnes & Noble

Oi, gente! Continuando a série de compras que fizemos lá nos EUA, fomos também na Barnes & Noble, uma rede famosa de livrarias. E claro que aproveitamos muitoooo a oportunidade, porque os preços estavam bem em conta em certos livros rs.

Obs: Os livros ainda não foram publicados no Brasil, portanto não tem sinopse traduzida oficial. A Ju traduziu meia boca as sinopses!


The Rest of Us Just Live Here (Patrick Ness)
[Goodreads Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (site)

Sinopse: E Se você não é o Escolhido?
Aquele que deveria lutar contra os zumbis, ou os fantasmas que se alimentam de almas, ou seja o que for essa coisa nova, com as luzes azuis e a morte?
E se você for que nem o Mikey? Só quer se formar e ir para o baile e talvez finalmente criar coragem para chamar Henna para sair antes que alguém vá lá e exploda a escola. De novo.
Porque às vezes existem problemas maiores que o fim de mundo dessa semana, e às vezes você só tem que achar o extraordinário na sua vida normal.
Mesmo que seu melhor amigo é adorado por leões da montanha.

Por que comprarmos esse livro? Patrick Ness é definitivamente um dos nossos autores preferidos, por isso não podíamos deixar de comprar esse livro que saiu faz pouco tempo. Ainda mais que a sinopse e a capa chamam atenção.


The Crane Wife (Patrick Ness)
[Goodreads | Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (site)

Sinopse: O extraordinário acontece todos os dias...
Uma noite, George Duncan - homem decente, um bom homem - é acordado por um barulho em seu jardim. Incrivelmente, uma grande garça branca caiu na Terra, acertado em sua asa por uma flecha. Inesperadamente tocado, George ajuda o pássaro, e à partir do momento que ele vê ela voando embora, sua vida se transforma.
No dia seguinte, uma bondosa, mas enigmática, mulher entra na loja de George. De repente um novo mundo abre para George, e uma noite ela começa a lhe contar a mais extraordinária história.

Por que compramos esse livro? É Patrick Ness, quer outra razão? rs


Gray's Anatomy (Henry Gray)
[Goodreads | Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (loja física)

Sinopse: Apresenta 1.178 ilustrações, a maioria em cores, em geral baseadas nas dissecções originais de Van Dyke Carter, famoso por sua clareza diagramática. Pode ser usado tanto como atlas quanto como texto. Novos desenhos no capítulo sobre nervos periféricos. Nesta edição foi aumentado o número de radiografias. Referências separadas por assunto, ao final de cada capítulo. Destinado a estudantes de medicina e da área biomédica em geral.

Por que compramos esse livro? Foi um ato de impulso, porque assisto a série Grey's Anatomy e curto a teoria da medicina, talvez eu nunca leia inteiro, mas...



The Wrath and the Dawn (Renée Ahdieh)
[Goodreads | Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (site)

Sinopse: Todo o amanhecer traz terror para uma família diferente em uma terra governado por um assassino. Khalid, o Califa de Khorasan de 18 anos, pega uma nova noiva toda noite, só para ter ela executada ao nascer do sol. Então é uma surpresa suspeita quando Shahrzad, 16 anos, voluntaria-se para casar com Khalid. Mas ela se voluntaria com um esperto plano de ficar viva e se vingar do Califa pelo assassinato da sua melhor amiga e incontáveis outras garotas.  Com a inteligência e vontade de Shazi, realmente, a mantém viva durante o amanhecer de uma maneira que ninguém nunca viu, mas com um problema... ela está se apaixonando pelo mesmo garoto que matou sua querida amiga. Ela descobre que o garoto-rei assassino não é o que ele parece, nem as mortes de tantas garotas. Shazi está determinada a descobrir a razão dos assassinatos e quebrar esse ciclo de uma vez por todas.

Por que compramos esse livro? Vimos tanta gente lá fora falando tão bem do livro, que acabamos ficando cm muita vontade de ler! E, com essa capa linda, quem não ia querer ele na estante? rs


Slasher Girls & Monster Boys (organizado por April Genevieve Tucholke)
[Goodreads | Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (site)

Sinopse: Autores de YA se juntam nesta coleção de histórias assustadoras e thrillers psicológicos acurados por April Genevieve Tucholke. Cada história baseia-se em um ou dois contos clássicos - as vezes um do gênero de terror, as vezes não - para inspirar algo novo e fresco e aterrorizante. Aqui não tem nenhum susto superficial; essas são histórias que o fará pensar mesmo que te mantenham na ponta do seu assento. De horror sanguinolento para criaturas sobrenaturais para inquietante, quase possível realismo, essa coleção tem algo para todo leitor que procura emoção.

Por que compramos esse livro? Bom, primeiro que são contos! Adoramos contos, ainda mais quando é uma coletânea, e vimos muita gente lendo esse livro no Halloween do ano passado e falando bem, então quisemos comprar, quem sabe não deixamos pra ler no Halloween de 2016?


Peter Pan (J. M. Barrie)
[Goodreads | Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (loja física)

Sinopse: Peter Pan transporta crianças e adultos pra um mundo mágico, povoado pela família Darling e pelos habitantes da Terra do Nunca - Peter Pan, os meninos perdidos, Sininho, o Capitão Gancho e seus piratas...
Por que compramos esse livro? O que dizer? É Peter Pan! Nunca tive a chance de ler a história, mas sou definitivamente apaixonada pelos filmes que tem por aí! E com essa edição linda, não dava pra deixar de levar!!!



Tales From the Arabian Nights (traduzido por Sit Richard Francis Burton)

Aquisição: Barnes & Noble (loja física)

Sinopse: Não achei uma sinopse para este livro especificamente, mas são contos do Mil e Uma Noites.

Por que compramos esse livro? Porque eu sempre quis ler!



Alice's Adventures in Wonderland / Through the Looking Glass (Lewis Carroll)
[Goodreads | Skoob]

Aquisição: Barnes & Noble (loja física)

Sinopse: Quando decidiu seguir um coelho que estava muito atrasado, Alice caiu em um enorme buraco. Só mais tarde descobriu que aquele era o caminho para o País das Maravilhas, um lugar povoado por criaturas que misturam características humanas e fantásticas, como o Gato, o Chapeleiro e a Rainha de Copas - e lhe apresentam enigmas.


Por que compramos esse livro? Já temos uma versão pocket do primeiro livro, mas quando vimos esse clássico por 10 dólares, não resistimos, ainda mais com essa capa linda! E de bônus veio Alice Através do Espelho, que ainda não tínhamos <3


Grimm's Fairy Tales (The Brothers Grimm)

Aquisição: Barnes & Noble (loja física)

Sinopse: Coletânea dos contos dos Irmãos Grimm

Por que compramos esse livro? Sempre quis ler todos os contos deles, mas nunca tive a oportunidade. E com um livro que tem todos, muito mais fácil, né?


20/04/2016

Resenha | A Sereia (Kiera Cass)



Informações

A Sereia
[Goodreads | Skoob]

Título orginial: The Siren
ISBN-13: 9788565765930
ISBN-10: 8565765938
Ano: 2016 / Páginas: 328
Idioma: português 
Editora: Seguinte


Sinopse: Anos atrás, Kahlen foi salva de um naufrágio pela própria Água. Para pagar sua dívida, a garota se tornou uma sereia e, durante cem anos, precisa usar sua voz para atrair as pessoas para se afogarem no mar. Kahlen está decidida a cumprir sua sentença à risca, até que ela conhece Akinli. Lindo, carinhoso e gentil, o garoto é tudo o que Kahlen sempre sonhou. Apesar de não poderem conversar pois a voz da sereia é fatal , logo surge uma conexão intensa entre os dois. É contra as regras se apaixonar por um humano, e se a Água descobrir, Kahlen será obrigada a abandonar Akinli para sempre. Mas pela primeira vez em muitos anos de obediência, ela está determinada a seguir seu coração.


Resenha


A Sereia é um livro que estava muito ansiosa para ler, ainda mais depois de A Seleção. Para quem não sabe, esse foi o primeiro livro que Kiera publicou de uma forma mais independente, e que ela decidiu relançar depois do sucesso de A Seleção. Eu esperava muitas coisas boas deste livro, já que vi tantas críticas positivas de quem já tinha lido ele anteriormente. Porém, A Sereia me surpreendeu, porque de um lado eu amei um dos personagens, mas por outro fiquei um pouco frustada com a história.

Kahlen é uma sereia há 80 anos. Vítima de um naufrágio, ela foi salva por outras sereias em seu desespero pedindo para viver. Então ela recebe a proposta de continuar viva, porém cumprindo uma pena de 100 anos para a Água: servir ela, usando seu canto mortal para matar centenas de inocentes em ordem para salvar milhares. Depois desses 100 anos, enfim ela estaria livre para viver sua vida. Acredito que esse é um método bem maldoso, mas eficiente, da Água, pois as pessoas não estão pensando direito quando estão prestes a morrer, então aceitam qualquer coisa para ficarem vivas.

Depois de 80 anos servindo a Água, Kahlen só quer que seus 20 anos restantes passem rápido, e da forma obediente que sempre se comportou. Mas tudo isso muda quando conhece Akinli, um garoto que pela primeira vez a vê por dentro, e não fica atraído somente pela beleza natural de sereia da Kahlen. Mesmo não podendo falar com Akinli, porque sua voz seria mortal para ele, ele começa a conversar com ela, e cada vez mais quer conhecê-la melhor. Quando isso começa a se tornar um problema, Kahlen foge para outro lugar, já que percebe que não pode se envolver com Akinli sem machucá-lo ou sem o risco de matá-lo, além do próprio risco de ser morta pela Água por sua desobediência. A trama vai se desenvolvendo, e vamos descobrindo mais sobre essa relação das sereias para com a Água, e vamos percebendo a personalidade de Kahlen aos poucos.

Eu simplesmente adorei o personagem do Akinli porque ele não queria mais nada do que conhecer Kahlen melhor. Ele não tinha nenhuma segunda intenção, além de que ele não se incomodou com o fato de Kahlen não poder falar. A relação deles se desenvolveu de uma forma totalmente natural, sem eles se estranharem um pelo outro. Acredito que esse foi o único ponto forte do livro, porque o resto me frustou um pouco.

A relação das sereias com a Água é estranha, quase chega a ser doentio. Elas ficam presas nesse corpo por 100 anos, sem poder falar com ninguém sem matá-los. E ainda tem que servir a água, matando centenas de pessoas com sua voz só para a Água se alimentar. Além disso, elas não podem amar mais ninguém além dEla e das outras sereias, elas não podem errar nem um pouquinho, que a Água já as mata. Mas, o que torna a relação entre elas estranha, é o fato da Água amar suas sereias, e não querer nenhum mal para elas, mesmo ela fazendo o que faz. O doentio se apresenta muito pelo ponto e vista de Kahlen, porque ela ama a Água, como Ela ama sua sereia, mas é um amor abusivo, porque ao mesmo tempo que elas sentem esse amor uma pela outra, a Água impede Kahlen de ser feliz, é totalmente egoísta, e apesar de Kahlen chegar a sentir ódio pela Água, sempre acaba recorrendo a Ela.

A história é bem fluída e rápida de ler, a capa e diagramação estão excelentes. Os únicos problemas são esses que citei, que me incomodaram um pouco.

Nota:


16/04/2016

Lugares | Le Mundi Livroteca & Café


Oi, gente! Hoje fui visitar um lugar muito legal, a Le Mundi Livroteca & Café. Eu soube desse lugar pelo Clube do Livro - Le Mundi, e já que pretendo participar, queria conhecer o lugar onde são os encontros e também porque soube que eles estavam fazendo renovação do estoque, então estavam vendendo livros em inglês pelo valor de R$5 - R$15. Eu sai de lá com 5 livrinhos "novos" e mais alguns mimos que tinha para vender lá.

O lugar é totalmente aconchegante, ele te convida a sentar ali, beber um café e ficar horas lendo um bom livro! Muito fofo, cheio de coisas relacionadas a café e livros, é um ótimo espaço para quem ama essas duas coisas :)

Onde: Le Mundi Livroteca & Café - Rua Sete de Abril, 1181
            Facebook | Instagram

13/04/2016

Página no Facebook

Oi, gente! Passei aqui rapidinho para dar a notícia que o instagram e blog agora tem página no Facebook!

Mais uma rede social para eu controlar, mas vamos lá! Senti a necessidade de fazer uma página, porque sempre estou vendo artigos legais por aí, fotinhos, etc, que fica mais complicado de compartilhar nas plataformas que o instagram já possui, porque elas pertencem a outras pessoas.

Com o Facebook, consigo utilizar o recurso de compartilhar, que me dá a permissão de postar todas essas coisas de outras pessoas, mas sem roubar delas, então fica mais fácil!

Lá também irei avisar das fotinhos novas do Insta e dos posts novos aqui no blog!

Se tiverem alguma sugestão do que vocês querem ver lá na página (ou no insta e blog), deixem comentários em alguma rede social que irei ler e responder ;)

Para curtir a página, clique AQUI.


Televisão | Uma olhada rápida na série Shadowhunters

Oi, gente! Acredito que todos sabem que a série Os Instrumentos Mortais virou série, né? E ainda está disponível no Netflix! Eu acompanhei a estreia de cada episódio, e vim falar um pouquinho do que eu achei sobre.

Informações


[TvShow Time | IMDB | AdoroCinema]

Criado por: Ed Decter
Baseado em: Os Instrumentos Mortais (Cassandra Clare)
Com: Katherine McNamara; Dominic Sherwood; Alberto Rosende;...
País de origem: EUA
Gênero: Drama; Ficção; Ação
Status: Em produção
Duração: 42 minutos

Sinopse: Clary Fray é uma adolescente de 15 anos que, sem querer, presencia o acontecimento de um crime. Mas este não é um crime como outro qualquer: três adolescentes cobertos com tatuagens estranhas são os responsáveis pelo assassinato, executado com armas que Clary nunca viu antes. Antes de ela conseguir fazer alguma coisa, os três justiceiros se apresentam para ela: Jace, Alec e Isabelle são Caçadores de Sombras, responsáveis por proteger o mundo de vampiros, lobisomens e monstros que querem fazer o mal.

O que eu achei

Sobre a história em geral, até que estou gostando do desenvolvimento, pois acredito que algumas coisas do livro não iriam dar certo numa produção para a TV. O que me incomoda é um detalhe ou outro, de terem deixado algo de lado, feito diferente algo que não precisava mudar, ou apressar muito as coisas.

Algo que me incomodou e muito, foi o fato deles mudarem totalmente a personalidade do Jace. No livro, ele é um garoto mais misterioso, que dá a impressão que não se importa com a Clary (mas sabemos que ele se importa sim), se comportando de uma maneira totalmente diferente. Na série, no entanto, ele chega a ser até meloso, toda hora querendo proteger a Clary e esquecendo da própria família e parabatai. Na real, o relacionamento dos dois se tornou quase um infortúnio para mim. Toda cena dos dois juntos dá aquela vontade básica de pular.

A atuação de alguns atores cada vez mais me surpreende, me fazendo ter aquela quedinha momentânea por eles. A única pessoa que não está me agradando tanto é a Katherine, não sei se porque ela não está sabendo interpretar a Clary, ou porque os roteiristas tornaram a Clary uma pessoa meio insuportável e irritante. Mas todos os outros estão interpretando muito bem, pois os personagens também não mudaram tanto suas personalidades.

Em geral a série é ok, o que perde mesmo foram esses detalhezinhos e talvez os efeitos especiais, que deixam a desejar, mas isso temos que pensar que talvez eles não tenham tanto dinheiro para um produção melhor, então estão desculpados.

Para quem quiser saber um pouquinho mais sobre a série, assista o trailer:




10/04/2016

Resenha | Um Mais Um (Jojo Moyes)

Oi, gente! Eu (literalmente) acabei de ler este livro incrível e vim trazer a resenha para vocês, porque surpreendentemente eu tenho muitas coisas boas para falar!!!

Autora: Jojo Moyes
Título original: One Plus One

[Goodreads | Skoob]

ISBN-13: 9788580576542
ISBN-10: 8580576547
Ano: 2015 / Páginas: 320
Idioma: português 
Editora: Intrínseca


Sinopse: Há dez anos, Jess Thomas ficou grávida e largou a escola para se casar com Marty. Dois anos atrás, Marty saiu de casa e nunca mais voltou.
Fazendo faxinas de manhã e trabalhando como garçonete em um pub à noite, Jess mal ganha o suficiente para sustentar a filha Tanzie e o enteado Nicky, que ela cria há oito anos. Jess está muito preocupada com o sensível Nicky, um adolescente gótico e mal-humorado que vive apanhando dos colegas. Já Tanzie, o pequeno gênio da matemática, tem outro problema: ela acabou de receber uma generosa bolsa de estudos em uma escola particular, mas Jess não tem condições de pagar a diferença. Sua única esperança é que a menina vença uma Olimpíada de Matemática que será disputada na Escócia. Mas como eles farão para chegar lá?
Enquanto isso, um dos clientes de faxina de Jess, o gênio da computação Ed Nicholls, decide se refugiar em sua casa de praia por causa de uma denúncia de práticas ilegais envolvendo sua empresa. Entre ele e Jess ocorre o que pode ser chamado de ódio à primeira vista. Mas quando Ed fica bêbado no pub em que Jess trabalha, ela faz questão de deixá-lo em casa, em segurança. Em parte agradecido, mas principalmente para escapar da pressão dos advogados, da ex-mulher e da irmã — que insiste em que ele vá visitar o pai doente —, Ed oferece uma carona a Jess, os filhos e o enorme cão da família até a cidade onde acontecerá o torneio.
Começa então uma viagem repleta de enjoos, comida ruim e engarrafamentos. A situação perfeita para o início de uma história de amor entre uma mãe solteira falida e um geek milionário.


Um Mais Um é aquela famosa fórmula de livro: road trip, pessoas estranhas tendo que viajar juntas. Mas, como a maioria dos livros, aqui não vemos adolescentes/jovens tendo que enfrentar todo tipo de dificuldade para chegar ao seu destino. Esta é uma história que acompanha dois adultos, um adolescente, uma criança e um cachorro em um carro.

Devo dizer que nem sabia direito da história quando peguei o livro, simplesmente fiquei com vontade de ler Jojo. E, novamente, me surpreendi com o poder de sua escrita, como ela consegue passar cada detalhe de maneira única, e fazer nos sentir bem com a história, fazer nos envolver com os personagens e torcer por eles.

Neste livro, Jojo fala de coisas importantes, como decepções e dificuldades da vida, explorando tanto isso na vida adulta, quanto na infantil/jovem. E de maneiras diferentes, explorando quem vive num orçamento apertado e de outro que tem tudo na vida para vivê-la sem preocupações. Ela choca esses dois mundos de maneira não forçada, e acaba dando uma lição de vida, seja com as situações ou com o comportamento dos personagens. 

Podemos dizer que aqui podemos aprender algumas lições de vida, como, por exemplo, que a felicidade não está ligada ao seu estado financeiro e que todos erram, e que uma ação errada não define uma pessoa.

O livro é maravilhoso e me prendeu de maneira que não podia largá-lo antes de terminar. Aqui vemos um exemplo de um bom livro, mostrando situações talvez inusitadas, mas de forma contínua e viciante.

Nota:


07/04/2016

Turnê Intrínseca - 5ª edição (Curitiba)



Oi, gente! Ontem rolou a 5ª edição da Turnê Intrínseca aqui em Curitiba, e eu vim mostrar um pouco como foi pra vocês! Essa foi a minha primeira turnê (todos os outros anos não tinha como eu ir, por causa de escola e faculdade :c),e foi simplesmente maravilhosa!!!

Obs: se você ainda vai na turnê (faltam 3 cidades), por favor, se não quiserem spoiler do que vai rolar, pare de ler esse post!



O time que veio foi o #TimeDexter, e eu pessoalmente adorei, porque sou super fã desse trio graças ao snapchat da editora. Eles foram super carinhosos e atenciosos, desde a distribuição de senhas, até o final do evento.

03/04/2016

Olhada geral | Trilogia Grisha (Leigh Bardugo)



Oi, gente!! Mês passado eu li a Trilogia Grisha, da Leigh Bardugo, mas não senti aquela necessidade de escrever resenha :/ Mas, para não passar em branco, vim falar um pouco sobre algumas considerações que fiz sobre o livro.

Sombra e Ossos: [Skoob | Goodreads]

ISBN-13: 9788582350638
ISBN-10: 8582350635
Ano: 2013 / Páginas: 288
Idioma: português 
Editora: Gutenberg


Sinopse de Sombra e Ossos: Alina Starkov nunca esperou muito da vida. Órfã de guerra, ela tem uma única certeza: o apoio de seu melhor amigo, Maly, e sua inconveniente paixão por ele. Cartógrafa de seu regimento militar, em uma das expedições que precisa fazer à Dobra das Sombras – uma faixa anômala de escuridão repleta dos temíveis predadores volcras –, Alina vê Maly ser atacado pelos monstros e ficar brutalmente ferido. Seu instinto a leva a protegê-lo, quando inesperadamente ela vê revelado um poder latente que nunca suspeitou ter.
A partir disso, é arrancada de seu mundo conhecido e levada da corte real para ser treinada como um dos Grishas, a elite mágica liderada pelo misterioso Darkling. Com o extraordinário poder de Alina em seu arsenal, ele acredita que poderá finalmente destruir a Dobra das Sombras.
Agora, ela terá de dominar e aprimorar seu dom especial e de algum modo adaptar-se à sua nova vida sem Maly. Mas nesse extravagante mundo nada é o que parece. As sombrias ameaças ao reino crescem cada vez mais, assim como a atração de Alina pelo Darkling, e ela acabará descobrindo um segredo que poderá dividir seu coração – e seu mundo – em dois. E isso pode determinar sua ruína ou seu triunfo.

O primeiro livro, Sombra e Ossos, é muito bom, nos apresenta a um mundo totalmente novo e diferente, um lugar que funciona por meio de monarquia, um lugar que não existem somente os humanos comuns, mas também os Grishas, que nascem com algo a mais, um poder. Fiquei confusa com alguns nomes, mas isso é comum nesses livros de fantasia, depois nos acostumamos e entendemos o que quer dizer cada um. Infelizmente, achei o segundo livro, Sol e Tormenta, muito arrastado, sem adicionar muito a história, ao não ser pelo final dele, que acabou dando uma agitada nas coisas. Persisti e fui para o terceiro livro, Ruína e Ascensão, e apesar de ter dado uma melhorada, não chegou a me impressionar, e a leitura para mim demorou demais, eu simplesmente não tinha vontade de ler.

Sobre os personagens, a personagem principal, Alina, irritou-me em vários momentos, com sua personalidade que mudava de uma hora para outra (as vezes ela era persistente e determinada, outras insegura), sua busca pelo poder (ela foi bem induzida a isso), e o modo como ela demorava para entender as coisas. Muito das suas atitudes me incomodaram, até o jeito dela tratar seu amigo de longa data Maly, que foi totalmente leal a ela.

Mas o problema não foi só com a Alina não, não consegui desenvolver nenhum tipo de ligação ou afeto com qualquer personagem. O mais perto que cheguei disso foi com o Nikolai, porque gostei muito dos seus princípios, buscando salvar seu reino, mesmo com todos os comentários maldosos e o forte exército do Darkling.

Acho que a história tinha muito potencial, mas não gostei do modo que Bardugo a desenvolveu, esperava muito mais. Mas, no geral, a série é boa assim, só não me agradou do jeito que eu esperava.



31/03/2016

Comprinhas da Amazon

Oi, gente! Quem não sabe, viajamos uns tempos atrás para os EUA, e é claro que aproveitamos para comprar alguns livrinhos em inglês. O preço sai o mesmo que aqui no Brasil, mas para encontrar os livros que queremos, e ainda sem pagar um frete absurdo, é quase impossível. Então vim mostrar cada livrinho, e a razão por termos comprado eles

Obs: a maioria dos livros não tem edição publicada aqui no Brasil, por isso não tem sinopse traduzida oficial. Portanto, a Ju traduziu meia boca essas sinopses.


Scarlet - The Lunar Chronicles (Marissa Meyer)
[Goodreads | Skoob]
Edição brasileira: Scarlet (Editora Rocco)
Aquisição: Amazon (site)

Sinopse: Scarlet, segundo livro da saga, é inspirado em Chapeuzinho Vermelho e mostra o encontro da heroína ciborgue que dá nome ao romance anterior com uma jovem ruiva que está em busca da avó desaparecida. Em uma trama recheada de ação e aventura, com um toque de sensualidade e ficção científica, Marissa Meyer prende a atenção dos leitores e os deixa ansiosos pelos próximos volumes da série. 

Por que compramos esse livro? Faz eras que queremos essa série, e depois de adquirirmos na sorte o primeiro livro em inglês, aproveitamos para comprar a continuação. Difícil vai ser quando terminarmos esse e não ter o resto da série pra ler :s


14/03/2016

Fanáticos Rocco - 2ª edição (Curitiba)

Oi, gente! Neste fim de semana eu fui no evento da editora Rocco, o Fanáticos Rocco, que já está na sua segunda edição. Este foi meu primeiro evento literário (pois é), então contarei um pouco sobre o que achei!


Eu cheguei um pouco atrasada (ops), então perdi o começo do evento, mas eles apresentaram livros da editora que estão fazendo sucesso, os lançamentos, e um pouco do que ainda está por vir. Acredito que senti falta de uma crítica mais construtiva em relação aos livros, de um melhor resumo de suas histórias, porque praticamente foram só mostrando o livro, falando bem pouco (como se estivessem lendo a sinopse), e passando um vídeo sobre ele (seja o trailer de adaptação, um booktuber falando sobre). Acho que isso decaiu muito no meu pré-conceito de eventos literários realizados pelas editoras, pois se fosse só pra ver sinopse eu fazia isso em casa...

Apesar disso, deu pra saber um pouco sobre livros que eu não conhecia e acabei até adicionando a minha wishlist. Inclusive, acabei até sabendo do lançamento de um livro que eu quero e nem sabia que estavam lançando aqui no Brasil.


Também teve sorteios realizados em forma de senha (que eu não ganhei :c) e um de forma mais divertida e despojada com o jogo de Quem Sou?, adaptado para a versão literária. Foram sorteadas 10 pessoas, 5 para adivinharem personagens de Divergente, e outros 5 de Harry Potter. Só que isso se estendeu até demais, porque escolheram personagens não principais, e em Harry Potter tinha até criatura mágica, o que levou bastante tempo para as pessoas adivinharem.


E o melhor desses eventos: brindes <3. Confesso que estava bem animada para essa parte, porque sabia que ia ter botons e marcadores, algo que é difícil de encontrar! Os que eu recebi foram:
  • Livreto: Jovens de Elite (Marie Lu)
  • Marcadores: Jovens de Elite, A Menina que Tinha Dons, Doctor Who, Alif o Invisível, A Garota Dinamarquesa, Divergente, Insurgente, Convergente
  • Cards: Anna e o Homem das Andorinhas, Sob a Luz dos Olhos Seus
  • Botons: Legend, Jogos Vorazes, Fábrica 231
  • Adesivos: Crônicas de Elementa
E ainda teve o marcador da Ana, do blog Leia, Ana, Leia, que estava presente no evento <3